Pages

19 de junho de 2014

Você é inesquecível!!!


 Vejo sua foto todo dia no banner na sala de casa.

Seu sorriso na foto nos faz refletir a respeito do que é mesmo importante na vida.

Aliás, seu exemplo nos reforça que a vida é pra ser vivida com relevância no que é simples e impagável. Momentos com a família, atitudes boas, bondades nas ações...

Você passou tão rápido dessa vez, mas deixou tantos exemplos e ensinamentos de quem as vezes tem oportunidade de uma vida inteira e  simplesmente passa e nada deixa de legado.

O seu foi imensurável!

Um jovem guerreiro que lutou para viver e enquanto estava no palco da vida terrena, o sorriso e simplicidade eram suas armas contra as intempéries da vida, que muito nos ensinava na arte da convivência com as pessoas.

Às vezes ainda me pego pensando se foi verdade que Deus o levou...

Pois desde o começo quando soube que você e Dani finalmente estavam juntos, pensei:
“Combina mesmo, e olha como se parecem até fisicamente...” Era lindo de se ver.

Mas li essa semana em uma mensagem que meu pai recebera uma reflexão da parte de Deus: “Sendo Ele o dono do jardim, não tem o direito de recolher uma rosa!”

E Deus o levou de volta para casa...

E um dia com certeza nos reencontraremos, todos nós e nessa hora não existirá dúvida nenhuma dos planos e desígnios do Pai; compreenderemos todos os porquês que ainda nos circunda a alma.
E até lá procuraremos viver da melhor forma possível...

Com a saudade, mas com você vivo dentro de cada um de nós, nos inspirando na lei do amor para com o próximo, e dando combustível na lembrança das suas atitudes para se viver da melhor forma possível.

E que minha irmã, que hoje sofre muito com sua ausência, consiga ter forças para se consentir compreender as razões da separação momentânea, e se permita ser novamente feliz.
Pois o retorno é certo, assim como o reencontro, e que Deus nos dê força para aceitar os planos do pai.

Você é realmente ADMIRÁVEL E INESQUECÍVEL meu eterno cunhado e irmão!!!


Manuella Fernanda






2 comentários:

  1. Assistindo a formula um hoje sozinho, pois Sergio esta trabalhando. Ontem quando Massa fez a pole, juntamente com a alegria veio a saudade. Era praxe assistirmos os três juntos. Sempre que comemoramos alguma coisa a primeira coisa que vem em mente é a falta sua presença Ricardo. Sempre iremos dividir com você estes momentos filho. Que vontade de lhe dar um abraço. Abraços a todos.

    ResponderExcluir
  2. Comentei ainda há pouco, mas, não sei o que houve, sumiu. Reitero, então, um pouco do que falava. Hoje, dia 8, é dia de reavivar as lembranças. Nesse dia, invocamos nossa memória mais ainda para nos sentir mais perto do nosso Rica. Chegará um dia em que poderemos abraçá-lo, mas só Deus saberá quando estaremos prontos. Até lá, cabe-nos cultivar a terra prometida que desejamos com amor, sabedoria e generosidade. A alegria é um instrumento fundamental para que tenhamos paciência de aguardar o grande momento do reencontro. Desejo que todos encontrem dentro de si (e Dani tem muitos) os motivos para se alegrar. Abraços!

    ResponderExcluir